<img height="1" width="1" src="https://www.facebook.com/tr?id=1902477713099717&amp;ev=PageView &amp;noscript=1">
Tempo de leitura 2min
NEC
11 mar 2021

O uso de tecnologias no agronegócio como aliadas na transformação no campo

A economia brasileira é o primeiro passo para entender a necessidade de investimento no setor. O segundo é compreender o quanto o uso de tecnologia no agronegócio está impactando a produtividade no campo.

Isso porque, o agronegócio corresponde a aproximadamente 25% do PIB brasileiro, o que torna o país o terceiro maior exportador no setor em todo o mundo e com apenas 7,6% de área cultivada. Em comparação com outros lugares, por exemplo, a Índia tem 60%, os EUA têm 18%, a China 17% e a Argentina 14% de suas áreas cultivadas, segundo dados apresentados no Futurecom 2020.

E embora a produção agrícola no Brasil seja muito rentável, segundo o Censo Agropecuário de 2017, 72% das propriedades rurais (aproximadamente três milhões e seiscentas mil) não possuem cobertura em telecomunicações. Portanto, é preciso que haja maior investimento tecnológico no setor para unir inovação e produtividade.

A importância do uso de tecnologias no setor do agronegócio

O agronegócio é um setor com alto potencial de mudanças direcionadas pela transformação digital. Afinal, são muitas as soluções que podem aumentar o planejamento das atividades no campo.

O alinhamento da tecnologia no agronegócio trata-se de uma proposta que beneficia a todos os envolvidos no processo, tanto a produtores quanto a consumidores finais. Visto  que, há inúmeras formas de otimizar as fases da produção desde a preparação da terra e cultivo, até o processo de colheita e criação do gado.

Na convergência entre economia digital e agricultura, vale saber que os consumidores serão os maiores beneficiados, pois poderão contar com mais transparência, segurança e rastreabilidade dos produtos que consomem. Com as tecnologias presentes nos campos, contar com soluções que apoiem esse segmento é fundamental.

Além disso, o agricultor lida sempre com decisões importantes sobre a colheita, o cultivo e a criação de gado. Dessa forma, a tecnologia pode potencializar essa frente no setor, otimizando a tomada de decisão, o tempo de cultivo e apontando melhorias no processo de produção por meio das informações colhidas com o uso de softwares, por exemplo.

Avanços na produção agrícola por meio da tecnologia no agronegócio

Há alguns avanços que já são realidade com o uso da tecnologia no agronegócio, como a digitalização de processos e integração de sistemas para aprimoramento do planejamento agrícola. Com isso, produtores podem contar com tecnologias que auxiliem na redução de desperdícios, tornando a produção mais eficiente e rentável.

Como exemplo, podemos citar o sistema de monitoramento em tempo real, que permite acompanhar todos os processos da lavoura e o andamento dos cultivos, ajudando a controlar os insumos e na tomada de decisão. Além disso, há a iniciativa da agricultura de precisão, que permite gerar economia nos procedimentos das plantações.

Nesse sentido, a implantação do 5G traz a expectativa de muitas mudanças para o setor, visto que um dos maiores desafios é a falta de conectividade para garantir a eficiência das soluções digitais. A falta de capilaridade e estabilidade na conexão é um fator que limita os avanços no campo, e a nova rede chega trazendo boas perspectivas.

Alguns avanços que podem ser previstos com o uso da tecnologia no agronegócio e a chegada do 5G são:

  1. Conexão de dados

A agricultura de precisão pode ser ainda mais eficiente com o compartilhamento e transmissão de dados, uma vez que outras conexões poderão ser feitas, com outros tipos de dispositivos, como sensores ligados ao solo, plantas e animais, bem como sistema de irrigação e monitoramento de pragas.

As possibilidades de conexão de dados são enormes, uma vez que o 5G permitirá que dispositivos sejam interligados e acompanhados em tempo real por meio da internet.

  1. Otimização das operações

Outra expectativa quanto ao uso da tecnologia no agronegócio é que as operações de colheitas, plantações e de máquinas, como tratores, sejam otimizadas de modo remoto. Isso significa que o trajeto poderá ser planejado para evitar desperdícios de recursos e com o objetivo de otimizar o tempo de produção.

Vale destacar também o controle de distâncias, que permite que a máquina continue funcionando independente das condições. Além disso, os drones poderão ser usados para mapear a terra e fazer análises do solo.

  1. Aumento da produtividade

Espera-se que o 5G impulsione a produtividade no agro, uma vez que o uso da tecnologia no agronegócio auxilia no controle de todas as fases do cultivo e melhor gestão da produção, até mesmo quase em tempo real.

A utilização de algoritmos e Inteligência Artificial (IA), por exemplo, impacta diretamente na produtividade — desde o planejamento baseado em dados até o acompanhamento dos processos.

  1. Maximização da segurança

A segurança é algo que sempre deve ser vista com prioridade em qualquer setor. E a tecnologia no agronegócio, como a implementação do 5G, pode proporcionar a integração de sistemas com capacidade de detectar incêndios. E, também, sistemas de vigilância com IA (Inteligência Artificial).

O investimento tecnológico na agricultura está avançando cada vez mais, no entanto, o setor ainda conta com um gargalo: a conectividade. Isso porque ela acaba por impedir o pleno desenvolvimento de projetos que buscam tornar o campo mais inteligente e eficiente.

Uma das respostas para solucionar esse problema está na colaboração entre empresas que fornecem tecnologia, produtores e outras companhias, que tenham o objetivo de criar um ecossistema da produção agrícola e integrar tecnologias, compartilhamento de dados e estratégias inovadoras.

Leandro Galante, head de Open Ran e 5G do Lab da NEC, reforça que é preciso intensificar a construção desse ecossistema colaborativo, afinal ele propiciará o maior desenvolvimento do setor e do Brasil.

E é nisso que a NEC acredita: nos benefícios da tecnologia no agronegócio! Por isso, sua expertise é atuar como orquestradora em soluções que atendem o setor agro.

Conheça mais sobre a NEC e em como podemos te ajudar!

Nova call-to-action

Assine aqui!